Dicas do WebDesigner

"Hoje, no mundo offline, vendedores busca compradores, ao passo que no mundo online é ao contrário: consumidores buscam vendedores"
-

Internet chega pela 1ª vez a mais de 50% das casas no Brasil, mostra IBGE

Dados de 2014 mostram que 36,8 milhões de lares já tinham conexão.
Smartphone virou aparelho nº 1 para acessar internet no Brasil.
Usuário acessa página na internet em notebook (Foto: Pixabay/Divulgação)

Mais da metade dos domicílios brasileiros passou a ter acesso à internet em 2014, aponta a Pesquisa Nacional Por Amostra de Domicílios (Pnad), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os dados referentes a 2014 mostram que 36,8 milhões de casas estavam conectadas, o que representa 54,9% do total. Em 2013, esse índice era de 48%.

O IBGE indicou ainda que a quantidade de internautas chegou a 54,4% das pessoas com mais de 10 anos em 2014. São 95,4 milhões de brasileiros com acesso à internet.

Essa dupla ultrapassagem vem de uma mudança de metodologia do IBGE. Apenas as conexões feitas com computador eram registradas até a Pnad de 2013, quando o instituto passou a contabilizar acessos com smartphones, tablets, TVs e outros dispositivos.

Smartphones x Computadores

Essa alteração permitiu captar o avanço de outros aparelhos. A inclusão digital foi promovida pela adoção do celular como aparelho preferencial para navegar. A cada cinco casas, quatro usam telefone móvel para se conectar.

Até 2013, esse posto era dos computadores, que caíram em 2014 para a segunda colocação: estavam presentes em 76,6% das casas, percentual que era de 88,4% no ano anterior.

Segundo o IBGE, apesar de ter ampla presença nos lares brasileiros, os PCs estão sendo deixados de lado. De 2013 para 2014, caiu de 78,3 milhões para 76,9 milhões o número de pessoas que usavam computadores para acessar a internet.

Na segmentação conforme a renda, todas as classes estavam acima da média nacional. Estava abaixo desse patamar apenas as residências cujos moradores tinham renda de até um salário (de R$ 724, em 2014).

O maior índice de uso da internet foi encontrado entre as casas com renda per capita de mais de cinco salários mínimos: 88,9% eram conectadas.
Fonte: G1

Nenhum comentário:

"A criação de websites para as tecnologias de hoje, exige habilidades e conhecimentos, não pode simplesmente começar a partir de um criador de sites on-line."

É hora de criar ou melhorar o Site de sua empresa.

Saiba como chegar em nossa Agência de Criação de Sites em Campinas.

Avenida Francisco Glicério, 900 Centro - Campinas/SP

Telefone

(19) 99316-2021 - Whatsapp
E-mail: atendimento@rafaelalfaro.com.br